terça-feira , novembro 21 2017
Capa / Brasil / Ceará / Jericoacoara não me convenceu

Jericoacoara não me convenceu

A tal matéria do The Washington Post apontando Jericoacoara como uma das praias mais bonitas do mundo sinceramente não me convenceu. Não que seja feia, longe de mim falar isso de um paraíso natural, mas simplesmente não vi nada demais na questão beleza e aquela atmosfera turística e comercial fazem com que Jeri não seja definitivamente a minha praia. A cada dois passos tem alguém oferecendo um passeio de buggy, um panfleto de restaurante, de pousada, a cada 5 minutos tem um guia abordando e oferecendo os serviços. Enfim, não vi glamour em Jeri, apenas um destino que pegou carona numa boa fase e hoje colhe frutos bons e ruins dessa fama.

A moda soprou a favor de Jeri, mas trouxe também o que há de mais cruel nos destinos de natureza exuberante – a especulação imobiliária. Um pescador na praia me disse que os terrenos que valiam R$ 10 mil há dez anos hoje valem R$ 1 milhão. Muitos hotéis que estão ali foram construídos em terrenos comprados a preço de banana. Nessa corrida, os italianos chegaram primeiro e hoje em dia são praticamente donos de tudo.

Não curti Jeri, não fiz muitas fotos, mas tenho vontade de voltar um dia e quebrar a impressão que eu tive. Aconselho todo mundo a ir, mas acho que não é o destino mais aconselhàvel pra quem busca tranquilidade, experiências autênticas, praias isoladas e limpinhas, paraisos tropicais do nordeste. Jeri tem muito turista, tem agito, tem preços inflacionados.

Onde ficar em Jeri ?

A cidade é praticamente um complexo de pousadas, uma do lado da outra. Na alta temporada ficam cheias, mas na baixa entregues às moscas. Não têm dinheiro pra se manter e principalmente investir na infra-estrutura. Por isso, é facil encontrar em Jeri albergues e pousadas que não têm a minima condição de receber.

Bons hotéis existem sim, mas excelentes são poucos. Eu andei bastante e vi somente quatro que eu enquadraria nessa categoria :  Mosquito Blue (que mudou de nome pra My Blue Hotel),  Villa Kalango, Pousada Jeriba e Chilli Beach. Não fiquei em nenhum deles, mas entrei em todos pra fuxicar. Na baixa temporada é possivel conseguir tarifas interessantes. Bom lembrar que Jeri segue o calendario dos gringos. Agosto, mês de férias na Europa, é considerada altissima temporada pelos hotéis.

As opções mais econômicas e decentes que vi foram a Papaya, onde fiquei, bom preço, otimo café da manhã artesanal e quartos corretos. Pra fazer um upgrade peça os quartos de cima com vista. São bem agradaveis. Outra opção bem simpatica é a Masai Mara, com a super opção da suite master pra familia, uma casa duplex lindissima com quintal independente. Não sei o motivo de não fazerem publicidade no site, tem que ligar e perguntar sobre a casa. O preço é bem em conta pra familia.

Fora do centro, na Praia do Preá,  (30 minutos de buggy ou 4×4) tem duas opções, o Rancho do Peixe, dos mesmos donos da Vila Kalango e o Sitio Phoenix. Mas ao escolher esses hotéis saiba que vai ficar isolado, e ser dificil o acesso aos restaurantes e lojas do centro de Jericoacoara.

Como chegar ?

Jeri pra mim foi a penultima parada da aventura de travessia da chamada rota das emoções, de São Luis a Fortaleza, passando pelos Lençois Maranhenses e o Delta das Américas. Cheguei de buggy. O mais comum, no entanto, é pegar um ônibus em Fortaleza (ele passa na rua dos hotéis da Orla, em varios horarios). São 4h de estrada até Jijoca. La você pega a jardineira e vai sacolejando durante 1h pelo sertão. A paisagem é bem nordestina, meio exotica, meio triste, meio vidas secas.

Sobre Nivea Atallah

Jornalista de formação e mochileira por vocação.

17 comentários

  1. Jeri não é mais a mesma, na década de 90 fui dezenas de vezes, era maravilhoso, hoje ta um lixo, exploração pra todo lado, fora violência e drogas, péssimo, horrível……..

  2. Eu tb tive a mesma impressão, criei tanta expectativa que quando cheguei em Jeri me frustou bastante. Três dias são os máximo para ficar lá, eu acabei de voltar de Jeri, fui agora em Março mês de chuva vi muito sapo e muita mosca, sendo assim desagradável nas refeições.
    Vale como experiência. De dia sao muitos gringos na praia. O Brasil tem muito lugar muito mais bonito que Jeri.
    O próprio RJ na região dos lagos dão de 10 a 0 em Jeri, é a minha opnião.

  3. Respeito a opinião, pois, cada um tem um gosto. Mas para mim é muito melhor do que qualquer outro passeio no País, pelo menos tem beleza e tranquilidade, ao contrário do que encontramos nas outras cidades do nosso País…

  4. Gustavo Woltmann

    Eu tive a mesma impressão, demora demais para chegar lá e já vi praias melhores e mais acessíveis. Vale a pena ir, mas eu não voltaria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*